quarta-feira, 24 de maio de 2017

Abertas inscrições para Capacitação de Juízes de Provas Campeiras


          O Movimento Tradicionalista Gaúcho abriu inscrições para a Capacitação de Juízes de Provas Campeiras, que acontecerá no dia 15 de junho na sede da entidade, em Porto Alegre. São requisitos, para interessados, ter pelo menos 21 anos de idade, pertencer a alguma entidade tradicionalista, possuir cartão tradicionalista válido, ser indicado pelo coordenador regional e conquistar pelo menos 70% de aproveitamento na capacitação.

            O investimento é de R$ 150,00 e as inscrições podem ser feitas no link http://www.cursos.mtg.org.br/untitled

Divulgada lista de avaliadores artísticos habilitados pelo MTG

            O Movimento Tradicionalista Gaúcho divulgou, nesta semana, a lista de avaliadores habilitados para atuarem em eventos artísticos. O comunicado partiu da vice-presidência artística, coordenada por José Roberto Fishborn e está disponível no link  http://www.artistico.mtg.org.br/lista-de-avaliadores-regionais.

            No total, são 26 avaliadores, indicados pelas coordenadorias regionais, que recentemente passaram por uma bateria de cursos e avaliações, qualificando-se para exercer a função, nos quesitos interpretação, harmonia e correção.

terça-feira, 16 de maio de 2017

Fegadan será em Antônio Prado

            
         O Movimento Tradicionalista Gaúcho confirmou nesta semana a realização do Fegadan – Festival Gaúcho de Dança, no município de Antônio Prado, na 8ª Região Tradicionalista. Segundo o vice-presidente Artístico, José Roberto Fishborn, uma parceria com a Prefeitura Municipal e o ACTG Cancela do Imigrante está sendo desenhada para levar ao município o mais importante evento de danças gaúchas de um estilo mais espontâneo, alicerçado nas obras de João Carlos Paixão Côrtes e Luiz Carlos Barbosa Lessa. Segundo projeções iniciais, o evento deve acontecer nos dias 14 e 15 de outubro, juntamente com a Fegachula – Festival Gaúcho de Chula.

           As categorias contempladas são Danças tradicionais (mirim, juvenil, adulta, veterana e xiru) e Danças Birivas do Tropeirismo Gaúcho. Paralelo ao concurso principal também haverá competições de Indumentária mais autêntica, Musical mais autêntico e mais fiel aos temas apresentados e Melhor acampamento.

            Segundo o presidente do MTG, Nairo Callegaro, a entidade busca consolidar um novo modelo de parceria com entidades e gestores públicos, de forma a garantir a sustentabilidade dos eventos.
Mais novidades em breve.

segunda-feira, 15 de maio de 2017

MTG inicia websérie sobre Chama Crioula

           A página do Facebook do Movimento Tradicionalista Gaúcho, nas próximas semanas, será palco de websérie sobre a Chama Crioula. A exemplo da iniciativa anterior, que abordou a Carta de Princípios, o objetivo é promover cultura entre os tradicionalistas e utilizar as mídias sociais não apenas como espaço para informação, mas também formação.

           Segundo o presidente do MTG, Nairo Callegaro, a websérie sobre a Chama Crioula terá o diferencial de não abordar o passado, mas sim o futuro. “Vamos informar onde a Chama será acesa e distribuída até o ano de 2044”, afirma. Segundo Callegaro, o evento é sempre muito aguardado pelos tradicionalistas e encarado pelos municípios com muito respeito. “A cada acendimento reverenciamos esse evento, que é o marco de tudo que vivemos hoje no tradicionalismo, e que em 2017 está completando 70 anos”, afirmou.

            A foto de fundo é do tradicionalista Mauro Heinrich.

            A nova websérie começa a circular na segunda-feira, dia 15 de maio.

sábado, 13 de maio de 2017

Santa Maria sediará Cfor Básico

           O Movimento Tradicionalista Gaúcho realiza, no dia 18 de junho, o curso de Formação Tradicionalista – Cfor Básico, em Santa Maria.

            O conteúdo programático contempla História do Rio Grande do Sul; História do Tradicionalismo Gaúcho; Noções básicas da Cultura Gaúcha; Carta de Princípios; Gestão de Pessoas: liderança, relacionamento interpessoal e gerenciamento de conflito e Voluntariado.

           As inscrições, ao custo de R$ 65,00, podem ser feitas pelo link 
           http://www.cursos.mtg.org.br/formulrio-cfor-basico-mtg.
           O curso será ministrado no CTG Sentinela da Querência, Bairro Camobi. 
           Mais informações podem ser obtidas pelo email cursos@mtg.org.br.

Peões Farroupilhas do RS são apresentados ao Conselho Diretor do MTG

            Em reunião ordinária do Conselho Diretor do MTG, realizada na sede da entidade, foram apresentados os novos Peões Farroupilhas do RS 2017/2018, neste sábado (13) .
           
             Também tiveram sua primeira reunião com a Vice-presidência de Cultura do MTG e fizeram a foto oficial. Foi feita também, na oportunidade, uma homenagem para as mães.

Junta Fiscal do MTG (foto abaixo) analisando as prestações de contas das Regiões.
             A Junta Fiscal é o órgão fiscalizador da administração econômico-financeira do MTG composta por 3 (três) membros titulares e 3 (três) suplentes, eleitos anualmente, pela Assembleia Geral Eletiva.


quarta-feira, 10 de maio de 2017

Editorial do Presidente - MTG acima de tudo

“Mas além dessas comendas
E outros terrenos troféus
Gravaste sob estes céus
Medalhas que ninguém cunha
E o Brasil é testemunha,
Que por mais que a História ande
Nunca haverá outro Rio Grande
Nem outro Flores da Cunha”

              Estes versos do grande poeta Jayme Caetano Braun, do poema o Último Caudilho, nos remete em pensamento a uma inevitável comparação do comportamento social e ético de homens que fizeram nosso tempo. O General Flores da Cunha governou o estado durante sete anos e entre suas inúmeras realizações, de ordem estrutural, econômica e social, a mais relevante foi administrar o Estado sem qualquer aumento de impostos neste período.

            Faço estas referências históricas iniciais a estes homens governantes de um tempo em que sonhavam e realizavam projetos coletivos sem a motivação e o desejo de vantagens pessoais, e trago aos dias de hoje a todos os que dedicam seu tempo, inteligência e habilidades para contribuírem com a sociedade tradicionalista e nossa federação (MTG e entidades filiadas). Não podemos deixar a poeira dos dias encobrir estes exemplos, não podemos deixar o tempo passar e esquecermos esta forma de gerirmos a coisa social de forma transparente e voltada às pessoas e entidades que as organizam.

            Neste processo de interação descobrimos muitos que lutam, às vezes de forma desigual, e até contra interesses maiores, pelo bem do Movimento Tradicionalista Gaúcho, e aqui entenda-se também todas as entidades filiadas. Estas sofrem as pressões e a federação, por sua, vez deve ter este entendimento e compreensão para poder dar a devida orientação a todos os seus filiados.

           Nossa Federação, ao longo dos anos, tem contado com o trabalho de abnegados tradicionalistas que dedicam-se à construção e preservação desta organização chamada MTG. Por sua vez, as entidades filiadas, da mesma forma, contam também com estes voluntários e o espírito de trabalho coletivo nas bases. Nas entidades começa a formação de novas lideranças, por isto a perenidade do MTG como instituição social que congrega este contingente de filiados.

            Vivemos um momento de profunda transformação em nossa sociedade, onde estes valores tão caros para os tradicionalistas estão sendo colocados à margem de uma sociedade cada vez mais desumana e menos solidária. Precisamos estabelecer e fazer valer em uma só voz uma ação transformadora, solidária e coletiva. Este é o momento, esta é a hora.

            O fortalecimento destes propósitos passa pela união de todos e a ação do indivíduo em objetivos coletivos. O medo dará lugar a um novo tempo. É difícil, sim, mas tenho certeza que é plenamente possível mudarmos e construirmos uma sociedade mais justa. Só o passado nos faz entender o presente e preparar o futuro. Vamos fazer sempre valer nossos valores maiores de trabalho, dedicação, preservação, honestidade e ética. Não podemos perder este fio da história que nos conduz a sermos o que somos hoje: MTG acima de tudo.

Nairo Callegaro
Presidente do MTG